Seres Terrestres

Seres terrestres são todas as coisas vivas criadas por Deus. Deus: aquele Ser que tem vários nomes,eu o chamo de Deus obviamente cada um tem um nome para ele ...Mas aqui não falarei de todos os seres e sim de alguns como:Seres humanos (às vezes não muito humanos ) Colocarei algumas poesias,reflexões... falarei de coisas do dia de hoje de ontem e de amanhã.Falarei para mim mesma e falarei para todos que quiserem ler...

Friday, January 27, 2006

A menina e a mulher...

Capitulo 0I_______
A menina tinha sete anos...A mulher trinta e seis...A menina só entendia do que enxergava...Do que sentia...
Depois passou a entender... Do que não enxergava...
Chegaram na casa como visitas, foram recebidos pelo casal,e convidadas a passar para o jardim, pois estava muito calor...Na rua estava uma suave brisa...
A menina permanecia sentada ao lado da mãe...Escutando conversas cansativas...Tais como --- E o fulano? E o sicrano? Estão bem? A menina estava ficando entendiada...Resolveu sair...Como quem vai ficar...Para não chamar a atenção. Caminhando lentamente, foi explorar a casa lá dentro...Era uma casa grande e antiga...Daquelas que o cheiro dos moradores está impregnada nas paredes, nos móveis...No ar...
A menina foi indo casa a dentro...Chegou num quarto..Olhou... Uma cama para duas pessoas...Um armário de seis portas...Uma cadeira de balanço...Um barulho no quarto ao lado! Parece um lamento...Um suspiro? Vira-se...Vê a porta do outro quarto...Está entreaberta...Introduz a mão pela fresta... E olha... No quarto sentada uma mulher com um lenço retorcido nas mãos...É uma mulher gordinha...Baixinha...Cabelos pretos lisos...Uns fios brancos sobressaem...
A mulher vê a menina...Levanta...E fala --- Abre a porta! A menina abriu toda a porta... A mulher falou alto! Esta não a outra! A menina perguntou... Qual?
A mulher pegou a mão da menina e levou a um corredor onde no final tinha um quarto...A menina viu que a porta tinha uma tranca... Falou --- Eu não posso abrir...Tem um cadeado...Eu não tenho a chave! A mulher desatou a chorar --- A menina ficou aflita...Ao ver o rosto da mulher molhado de lágrimas...
Não sabia o porquê...Mas sabia que não deveria pedir a chave aos adultos lá fora...E sabia que a mulher também não iria pedir... A menina falou para a mulher ---- Vou procurar a chave--- A mulher disse ---Está lá com ela... Um molho...A maior escura abre esta porta... A menina voltou ao jardim...Estavam a tomar chá...Tinha bolo na mesa...Ofereceram para ela...Pegou um pedaço...Mas só lembrava da mulher...A esperar...
Começou a rodear a dona da casa...E viu...Em cima da mesa...Um chaveiro com um punhado de chaves...E uma sozinha numa argola no mesmo molho...Não pensou dua vezes...Olhou para a mãe e para a dona da casa....Entretidas nas conversas...Olhou o homem...O homem quase não falava...Olhava ao longe...Atráves das plantas...Dos muros... __________________Por hoje deixo assim vou fazer em dois capitulos,para não ficar cansativo de ler..._______

|

Links to this post:

Create a Link

<< Home